Campeões!


Já está! Foi sofrido mas é nosso! O dia 1 de Abril de 2017 acabou por entrar para a História do Rugby Português! Neste preciso dia, a nossa selecção sénior carimbou a 7ª vitória consecutiva na Ucrânia (7-31), conquistando o Grand Slam (a conquista da competição só com vitórias; iremos jogar no próximo dia 20 de Maio em Bruxelas a subida ao grupo B contra a Bélgica) na prova e os nossos bravos lobinhos acabaram de se sagrar campeões europeus no escalão de sub-20 em Bucareste ao derrotar a Espanha por 12-7 num jogo dramático em que tivemos que voltar a sofrer muito (um pouco por culpa da atitude passiva na 2ª parte) para sorrir no final dos 80 minutos. Para a História ficará o ensaio de Gonçalo Santos (créditos para o Francisco Isaac do Fairplay por me ter ajudado a descortinar o autor do ensaio) na ponta esquerda, numa jogada construída em 15 pacientes fases.

Entrámos muito bem na partida com a obtenção de um ensaio. Pode-se dizer que nos primeiros 55 minutos de jogo controlamos a partida no âmbito territorial e de posse e dispusemos de várias oportunidades nos 22 espanhois para elevar a contagem. No entanto, a falta de paciência na construção ofensiva e algumas falhas no capítulo da transmissão de bola (dificultadas em parte por uma selecção espanhola que soube fazer uma boa cobertura dos espaços a toda a largura; o que nos valeu em parte foi o desacerto ofensivo dos espanhóis no mesmo capítulo falhando muitos passes e cometendo vários erros na recepção) ditaram-nos uma 2ª parte de sofrimento em que os espanhóis, com o empate à vista de um ensaio mais a respectiva conversão, começaram a acreditar que era possível e conseguiram, numa das raras incursões aos nossos 22, sacaram o ensaio que viria a empatar a partida.

Quando o jogo parecia encaminhar-se para uma reviravolta no marcador, eis que uma jogada de paciência acaba por resolver a questão. Não querendo mencionar prestações individuais no seio de um colectivo que se provou forte ao longo do torneio, foi a arrancada de Manuel Picão da Académica que permitiu por completo a criação da situação de desequilíbrio que permitiria posteriormente a assistência do “certinho” Jorge Abecassis (não esteve certeiro em 2 dos 3 pontapés que realizou aos postes) assistir a entrada de Gonçalo Santos para um ensaio (77″) que garantiu a vitória de Portugal na competição.

A vitória na prova por outro lado garantirá à equipa comandada por Luís Pissarra (a quem aproveito para dar os meus sinceros parabéns) a entrada no Mundial do escalão, prova que se irá disputar no próximo mês de Junho na Geórgia. A selecção portuguesa terá neste momento que esperar pelo sorteio que se irá realizar para perceber em que grupo é que vai ser inserida.

Anúncios

Um pensamento em “Campeões!”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s