Contenders? Para o ano há mais


Este poderia ser o frame de um jogo da Proliga portuguesa mas não, é a realidade nua e crua de uma final de conferência da NBA: uma equipa inteira a ver navios, sem qualquer vontade de se fazer à estrada! Ao intervalo do jogo (jogo? mais parece um espectáculo de exibição do que outra coisa!) que está neste momento a decorrer em Cleveland, os Celtics estão a ser novamente sovados, estando a perder por claros e inequívocos 72-31. Já não nos bastava termos que aturar a cegada que vai no Oeste por culpa do Zaza, para ainda termos que suportar este calvário de toda uma equipa in loco, quando o nível da coisa pedia efectivamente jogos de excelência. 
Um dos argumentos que mais tenho visto por parte dos adeptos de Boston quando dou uma espreitadela nas páginas de facebook afectas aos Celtics é o seguinte: “a equipa tem que trabalhar mais porque somos contenders” – contenders? Meus filhos, dêem-se por sorte de estar a disputar as finais de conferência. Se o Rondo não se tivesse lesionado na série contra Chicago e se o Isaiah não tivesse trabalhado a série nas duas primeiras rondas, os Celtics muito dificilmente estariam nesta final de conferência.

Para o ano há mais. Com o Gordon Hayward. Com a troca da 1st pick no draft deste ano por um bom scorer, visto que o Markelle Fultz Markelle Fullz será totalmente incompatível com o Thomas. Talvez aí, nesse cenário, possam ser contenders.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s