A má exibição de Renato Sanches frente aos sérvios explicada


Como não somos de intrigas nem de meias verdades, nem gostamos de ser tratados como estúpidos quando lemos coisas do género “o Renato foi o melhor em campo na 2ª parte do jogo contra os sérvios” decidimos fazer um post para rebater essa mesma afirmação. Vejamos:

1ª Situação – Minutos 0:31 a 0:35 do vídeo

O jogador sente que vai entrar um sérvio nas suas costas para receber o passe. É rápido a ler o jogo e a antecipar-se para recuperar a posse do esférico. Recupera a bola e promove uma excelente aceleração. Até aqui nada de novo “no jogo do jogador”. Pensávamos nós porém que o jogador tinha evoluído no capítulo do passe no Bayern…

Errado! Se tivesse executado com eficácia um passe regular o jogador do Bayern poderia ter sido decisivo nesta jogada porque poderia ter isolado o colega. Renato falha redonda e ridiculamente um passe de baixo grau de dificuldade e anula uma investida que poderia ser decisiva para matar o jogo.

2ª situação – Minutos 0:40 a 0:49 

O lance dá três opções a Renato.

Numa primeira fase o jogador pode abrir para um linha de passe segura em Bruno Fernandes, garantindo-lhe uma situação passível de promover uma aceleração.
Numa segunda fase, Cancelo aparece por dentro a alta velocidade.
Numa terceira fase, tem sempre o apoio de Guedes, podendo este triangular imediatamente com Cancelo. Se o fizesse, o jogador do PSG anularia imediatamente 4 adversários. Em qualquer um dos casos, a situação redundaria sempre numa situação de vantagem numérica com espaço para acelerar. Renato toma as piores opções possíveis porque não consegue pensar a acção que vai executar num curto espaço de tempo.

3ª situação – Minuto 1:23 a 1:30

O jogador volta a estragar uma transição para o contra-ataque porque não é capaz de soltar a bola no tempo correcto para Bruno Fernandes. Fernandes tinha Bruma à vista com um simples toque. Bruma adora este tipo de transições porque são aquelas em que usualmente saca dos maravilhosos e esbeltos coelhos que tem na sua longa cartola. Renato Sanches acaba por sofrer falta porque tenta furar pelo meio de 3 jogadores. Mais uma vantagem preciosa que se esvaiu por manifesta falha na tomada de decisão.

4ª Situação – Minuto 1:39 a 1:54

Renato safa-se bem da situação de pressão montada pelos sérvios num primeiro momento do lance. Arrisca a tabela com um companheiro mas o passe sai manifestamente mal a Iuri Medeiros. Mesmo assim, o esférico continua na nossa posse e Renato volta a receber a bola. Com uma linha de passe segura em Bruno Fernandes, o médio volta a demorar muito tempo a decidir o que é que vai fazer. Perde a bola para um adversário e dá azo a um contra-ataque em que os sérvios vão tentar explorar a velocidade do seu avançado junto aos centrais portugueses.

5ª situação – Lance do 2º golo de Portugal

Reparem no enorme intervalo de tempo e espaço que é dado pelo defensor durante 6 segundos. Não posso negar que a assistência é óptima, mas é um bocado fruto da solução que é oferecida por Bruno Fernandes. Se o defensor fosse mais agressivo, ao 2º segundo com bola, Renato teria sido desarmado, e a jogada poderia ter dado origem ao lançamento de um venenoso contra-ataque. Se Bruno Fernandes não tivesse criado a situação com a sua incursão para as costas dos centrais, Renato ficaria sem a bola.

6ª situação – Minuto 3:55 a 4:02

E se o árbitro não concede a falta que não existiu? 

Anúncios

5 thoughts on “A má exibição de Renato Sanches frente aos sérvios explicada”

  1. Até procuras justificar o injustificável no lance de génio no 2 golo. Assim, perdes credibilidade na tua análise.
    Renato será um fora-de-série. Tem 19 anos. É dos mais novos da competição. As pessoas esquecem-se.
    Além que tem jogado encostado a uma das alas.

    Gostar

    1. Meu caro,

      Factos são factos. O que aqui expus foram factos. Factos que de resto tem sido alvo da mesma linha de opinião da imprensa portuguesa nos últimos.
      Além do mais, como bem deverás saber, o jogador está a jogar nos mesmíssimos terrenos onde costuma jogar. Tanto no Benfica como na selecção (no Bayern é outra história), sempre que pode, o Renato Sanches foge para as linhas (principalmente para o flanco esquerdo) porque é um lugar onde se sente bem: para além de gostar de ali acelerar nas transições, sempre que recebe na interior esquerda, gosta de colocar o seu drible ou o seu remate. Não existem portanto quaisquer justificações para desculpar este tipo de exibições. Não querendo ir mais longe, creio até que o jogador está a regredir naquilo em que realmente é bom: nas acelerações que promove a meio-campo. Ao nível de eficácia de passe é zero. Na tomada de decisão, está a regredir. Na definição dos lances em que participa, está a regredir. Posicionalmente é um jogador banal.

      Gostar

      1. O Renato no Benfica jogava À frente do Fejsa, estilo box-to-box, onde em transições rápidas, fazia a diferença. Falta-lhe maior concentração a nível do passe, porque neste momento, faz o mais difícil, e falha no mais fácil.
        Em relação às acelerações, tanto na seleção como no Bayern, joga-se um estilo de jogo, onde se privilegia o toque de bola, e passe curto. É normal que o seu jogo vá mudando.

        Gostar

      2. Neste elenco, mudou apenas, nos dois primeiros jogos o sistema táctico e o figurino dos jogadores que jogaram ao seu lado. De resto, os terrenos bem como as funções a desempenharam foram mais coisa, menos coisa as mesmas.
        Creio que seria de esperar que os alemães o tivessem evoluído no capítulo do passe como jogam 90% da temporada em jogo posicional, tentando conciliar as características que o jogador já trazia de Portugal com alguma evolução nesse aspecto técnico do jogo.

        Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s