O golo do dia


Se na terça-feira, no jogo da Supertaça Europeia, a equipa de José Mourinho apresentou algumas dificuldades para sair no contragolpe naquela fase da partida em que foi remetida ao seu meio-campo em virtude “do jogo de movimentações” dos homens do Real, frente ao West Ham, a saída em transições rápidas foi uma constante ao longo do primeiro tempo.

Assim que a equipa consegue procurar imediatamente as suas referências para a saída em contra-ataque (Paul Pogba, Henrik Mkhytarian, Marcus Rashford), o jogo da formação de Mourinho ganha outra dimensão e outra qualidade. Rashford é de facto brilhante neste aspecto particular (e em muitos outros), pois é um jogador capaz de colocar a bola na área adversária em poucos segundos. No jogo contra o Real, assim que a equipa conseguia recuperar a bola, falhava o primeiro passe e entregava a bola ao adversário. A estratégia de troca posicional incutida pelos médios do Real para baralhar as marcações a meio-campo obrigou os médios de Manchester a ter que acompanhar constantemente as movimentações dos adversários, facto que depois veio a pesar e muito na construção porque o recuperador não conseguia encontrar imediatamente a linha de passe para o transportador. Devo também referir que Rashford só entrou na segunda parte. Assim que o avançado entrou a equipa começou a procurar a sua velocidade nas transições.

Tónica constante nos processos de jogo ofensivos da formação de Mourinho ao longo da primeira parte foi também a utilização de desmarcações em diagonal (para as costas da defesa) por intermédio dos seus homens mais avançados. Quer em ataque posicional, quer em contra-ataque, tanto Mata como Lukaku apareceram muitas vezes a realizar desmarcações em diagonal para ganhar as costas dos defesas da formação de Slaven Bilic.

O primeiro golo dos homens de Manchester surge portanto numa jogada em que após uma recuperação de bola, a bola é imediatamente lançada no corredor esquerdo nos pés de Rashford. O extremo acelera rapidamente a transição com um corte para dentro (aproveitando a “falta de pernas” demonstrada pelos adversário na transição defensiva) para obrigar um dos defensores a sair na pressão, de forma a poder abrir o espaço que vai ser aproveitado por Lukaku nas costas desse defensor. No entanto, outras linhas de passe poderiam ter sido exploradas nesta jogada.

manchester united 2

Esta é a situação de ruptura. O extremo aproxima-se do defesa, cria o engodo que vai levar o defesa a sair na pressão, e no momento correcto (quando percebe que Lukaku já ganhou a frente ao defensor e que o defesa que saiu na pressão já está a meio da viagem, ou seja, não será possibilidade de realizar o tackle ou de interceptar a bola) faz o passe de ruptura para a entrada nas costas (dos dois defensores) do seu ponta-de-lança. Neste frame também podemos ver a preciosa linha de passe que é oferecida na esquerda por Daley Blind. Se Rashford tivesse optado por colocar a bola no holandês, não poderemos de forma alguma afirmar que teria sido uma má decisão porque o holandês teria possibilidades de entrar com a bola na área para assistir a entrada de Lukaku. Na direita, o extremo teria em Mkhytarian outra opção muito válida para decidir visto que a colocação de um passe (naquela fracção de segundo) possibilitaria a entrada do armeno em zona de finalização sem oposição.

Mourinho poderá começar a explorar ainda mais as movimentações em diagonal dos seus avançados em jogadas de transição rápida para abrir um canal entre Rashford e Mkhytarian. Como o extremo é muito rápido a sair para o meio-campo adversário e a cortar para dentro, facto que não dá aos adversários a possibilidade de efectuar uma correcta transição defensiva e que obriga (em condições coeteris paribus) um dos centrais a ter que sair na pressão, e o avançado pode obrigar um dos laterais a ter que acompanhar a sua diagonal, a situação pode abrir uma linha de passe muito proveitosa entre os extremos.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s