A Amália já morreu e a Rainha Santa já não dá pontos em troca de rosas

Yankuba Jallow, Xiu Chen Yuan, Yuan Xiuqi, Malick Kujabi, Ousman Sanneh, Remi Mendy, Femi Balogun e Pa Omar Badjas. Se a Académica não carregasse consigo 130 anos de história e glória, diria que estaríamos perante um novo entreposto de comércio de escravos.

Estes foram os melhores reforços que um projecto de agente de jogadores de 27 anos, contratado (?) por Pedro Roxo para o cargo de director desportivo da Académica (depois de ter prestado um péssimo serviço à Olhanense nas últimas 3 temporadas; como será do conhecimento de muitos, os jogadores que este fedelho transportou para o clube de Olhão na temporada transacta conduziram o clube para um verdadeiro estado de ruína que culminou com a descida de divisão) trouxe no último dia de mercado para Ivo Vieira, um treinador cada vez mais ciente da miserável realidade actual do clube. Segundo a informação de fonte não-oficial que vai circulando nas últimas horas nas redes sociais, os jogadores africanos, jogadores cujo registo ou percurso é totalmente desconhecido do público (ao longo desta tarde tentei rastrear o seu percurso, não tendo obtido qualquer informação sobre o seu passado futebolístico) irão rodar na formação da Secção de Futebol. Os chineses, bem, os chineses é outra história. Mais à frente, irei dedicar-lhes um breve trecho de texto.  Continuar a ler “A Amália já morreu e a Rainha Santa já não dá pontos em troca de rosas”

Anúncios

Os golos do dia

Começo este post pela Liga Ledman. É verdade que desde o início deste blog em Março não tenho dado o maior dos destaques à nossa 2ª liga. Não tenho o dom da ubiquidade nem consigo, no turbilhão de provas, jogos, notícias, rumores que acontecem ou saem cá para fora todos os dias, ter disponibilidade para acompanhar a fundo a prova. Para já tenho tentado acompanhar ao máximo o percurso da Académica, pelas razões sentimentais que me ligam ao clube e à bela cidade de Coimbra.

Pude ver, durante o dia de hoje uma generosa parte do jogo entre a equipa B do Sporting e o Cova da Piedade. Do que vi gostei de algumas prestações. A que mais me encantou foi a de Rafael Barbosa. Cada vez mais acredito que face aquela que considero ser para já a única pecha no plantel principal (um substituto à altura de Adrien; considerando que Battaglia pode ser, caso William não venha a sair, um jogador capaz de fazer com alguma eficiência o papel de Adrien; pelo menos nos aspectos defensivos, o argentino tem capacidade para poder substituir o capitão; nos aspectos ofensivos, creio que o jogador tem evidentes lacunas que tem necessariamente de ser trabalhadas, com a sua técnica de passe à cabeça) se o médio mantiver este rendimento (é agressivo na disputa da bola, pressiona bem, recupera imensas bolas, é rápido e efectivo a lançar o ataque ou a criar em terrenos mais adiantados) poderá ser o primeiro jogador a saltar da equipa B para a equipa principal.  Continuar a ler “Os golos do dia”

Não fica por aqui. Esperem por domingo

A propósito do requerimento apresentado hoje pelo Ministério Público que visa julgar em tribunal colectivo os 28 arguidos detidos na Operação Jogo Duplo. Não pensem que o assunto fica por aqui.

No próximo domingo, teremos, a contar para a 44ª última jornada da 2ª liga, jogos que mais parecem bombas relógios.

Cova da Piedade (o tal clube onde militam 3 jogadores chineses; clube que é apontado nos “bastidores” como salvo da descida desde há uns meses a esta parte) Académico de Viseu e Famalicão lutam pela permanência directa. O Leixões e o Fafe lutam por um lugar no playoff que lhes garante, no mínimo, uma réstia de esperança.

O emparelhamento para a última jornada dita-nos um explosivo Académico de Viseu vs Cova da Piedade (jogo a que devo assistir no Estádio do Fontelo tal vai ser “a carga” de nervos que lá se pode vir a verificar em virtude de factos que são do meu conhecimento mas que não posso aqui revelar sobre o risco de cometer falso testemunho por falta de provas que sustentem acusações; revelo-o já sem qualquer demora; o complexo desportivo do Fontelo poderá assistir a uma visita de elementos da Polícia Judiciária no final da partida) enquanto o Famalicão vai ao terreno do Gil Vicente, formação que já não luta por qualquer objectivo de maior interesse. O Leixões recebe o União da Madeira enquanto o Fafe joga na Vila das Aves. O Aves ainda pode sagrar-se campeão da 2ª liga se eventualmente vencer a sua partida e o Portimonense escorregar nos Açores frente ao Santa Clara.

Entretanto, a susceptibilidade de ver uma outra rede a operar em Portugal é enorme nesta última jornada. Fiquemos atentos aos acontecimentos das partidas que se disputarão entre equipas que só irão cumprir calendário nesta última jornada. Aquele que me suscita mais revelo é a recepção do Olhanense ao Penafiel. O jogo entre a formação de Olhão e a turma penafidelense parece-me à primeira vista aquele jogo típico de final de temporada em que tudo parece bem montado (o Olhanense já desceu há várias jornadas e o Penafiel é 4º) para que exista uma goleada surreal. Não falo de uma goleada qualquer por 4-0 ou 4-1. Falo daquelas goleadas com um propósito específico de dar 6 ou mais golos visto que a odd +5-5 golos neste jogo na Bet.pt é de 7 euros e meio por cada euro apostado e um resultado exacto de 2-5 a favor do Penafiel poderá garantir ao apostador 45 euros por euro apostado como podemos ver aqui em baixo neste screen:

penafiel 2

A estupidez de Budag Nasirov e a aposta em jogadores de desenvolvimento na equipa B do Sporting

Segundo a lei 3 das regras do jogo, ponto 7, Se o jogo é interrompido e a interferência foi causada por:
• um elemento oficial de uma equipa, um suplente, um jogador substituído ou um
jogador expulso, o jogo recomeça com um pontapé-livre direto ou pontapé de penálti

A decisão tomada pelo árbitro da partida no lance que podem ver no vídeo em epígrafe é portanto… correcta.

Há uns tempos, em conversa com o Miguel, autor convidado deste blog, a propósito do que ele escreveu neste post, referi-lhe a minha opinião muito particular quanto à estratégia que deverá ser seguida daqui em diante na equipa B do Sporting. Referi nessa conversa a ideia que a equipa B do Sporting está a ser, desde a sua formação em 2012, palco para todo o tipo de experimentalismos de jogadores vindos de “outros planetas” a troco de praticamente nada quando deveria servir exclusivamente em primeiro lugar a transição de atletas do departamento de formação para o escalão sénior e em segundo lugar para o desenvolvimento de jogadores em que haja um mínimo criterioso de garantias em como poderão um dia ascender ao plantel principal. Continuar a ler “A estupidez de Budag Nasirov e a aposta em jogadores de desenvolvimento na equipa B do Sporting”

Onde há fumo, há fogo. Jogo manipulado?

Este foi o histórico de movimentações de odds registado em várias casas de apostas relativamente ao jogo que se irá disputar hoje entre Feirense e Paços de Ferreira. Esta é, no espaço de 4 meses, a 2ª vez que se suspeita da eventual manipulação de resultados num jogo que envolve o Feirense, alguns meses depois de um depósito no valor de 50 mil euros a favor da “vitória” da turma da Feira no jogo frente ao Rio Ave ter feito soar os alarmes. Continuar a ler “Onde há fumo, há fogo. Jogo manipulado?”