Six Stars 2017: uma excelente oportunidade para ver os craques do passado em acção

A Arena O2 em Londres tem recebido nos últimos dias o Six Stars Tournament, torneio de selecções que junta alguma das maiores vedetas do passado. Verdadeiros consagrados da história do futebol mundial como Robert Pirès, Marcel Desailly, Rivaldo, Juninho Paulista, Michael Ballack, Roberto Carlos, Deco, Steven Gerrard, Angelo Di Livio, Youri Djorkaeff, Alessandro Del Piero entre outros tem disputado interessantes duelos (no formato de 6×6 em campo reduzido) no sintético instalado naquela arena londrina. O torneio é uma oportunidade de ouro para rever em acção os grandes craques do passado. Passei toda a noite a ver os highlights dos jogos até agora realizados. Vi com o maior prazer possível. Pelo que vi posso afirmar que alguns destes jogadores ainda teriam lugar em muitos clubes de 1ª divisão dessa Europa. Grande parte dos duelos tem sido disputados a um pace muito tranquilo, com muita brincadeira à mistura. No entanto, a meio de alguns jogos viveram-se alguns momentos de rivalidade. O jogo entre a “selecção inglesa” e a “selecção escocesa” foi um deles. Continuar a ler “Six Stars 2017: uma excelente oportunidade para ver os craques do passado em acção”

Ou fazes e demonstras aquilo que eu quero ou…

… podes começar a procurar clube. Esta foi basicamente a mensagem enviada por José Mourinho para o exterior com destino ao interior do balneário, mais concretamente, com destino ao lateral Luke Shaw.

Esta técnica de comunicação, desde sempre utilizada pelo treinador português para arrasar por completo (para não dizer queimar em praça pública) o desempenho, a atitude e a motivação de um jogador de forma em determinado momento para ver se ele altera radicalmente o seu profissionalismo, ambição, atitude, desempenho nos treinos e nos jogos foi uma fórmula eficaz que deu muitos resultados ao longo dos anos.
Continuar a ler “Ou fazes e demonstras aquilo que eu quero ou…”

Os Comunicados, as pressões e as chantagens do Benfica

Ao ver a data de comunicados que a SAD do Benfica emitiu na presente semana, questiono-me seriamente se o Benfica não está a incorrer com hipocrisia numa das armadilhas montadas pela sua ardilosa comunicação em relação ao presidente do Sporting. Não é por nada, mas parece-me que a Benfica SAD já emitiu mais comunicados numa semana que a Sporting SAD na época inteira.

O mais recente comunicado emitido pela departamento de comunicação do clube da Luz, levou-me a reflectir sobre o seguinte: a ausência de dirigentes do clube no jogo da selecção que se disputará amanhã na Luz faz-me equiparar que a actual estratégia de pressão de Luis Filipe Vieira está muito próxima (até equiparável) da estratégia que uma vez utilizou Jorge Nuno Pinto da Costa no caso da expulsão de Deco no Bessa.

Continuar a ler “Os Comunicados, as pressões e as chantagens do Benfica”