Serge Gnabry

O novo reforço do Bayern é isto. Veloz, ávido a explorar as costas do lateral (lamenta-se o facto de não ter chegado a tempo de poder jogar com Xabi Alonso), muito técnico, muito fantasioso (o jogador tem uma verdadeira maleta cheia de truques) e finalizador q.b, ou pelo menos, um jogador que só tem olhos para o golo. Apesar de ter desperdiçado algumas bolas no jogo contra a selecção checa, o jovem de 21 anos que foi completamente desaproveitado por Arsène Wenger no Arsenal, clube que o lapidou, marcou 11 golos na temporada 2016\2017 ao serviço do Werder Bremen.

Os golos do dia

Os golos de Marco Asensio na vitória fácil da selecção sub-21 espanhola frente à sua congénere da Macedónia por 5-0. As facilidades concedidas pela selecção balcânica (um verdadeiro acumular de erros defensivos e de erros na transição; falta de intensidade na pressão, defesa excessivamente compactada na zona central, descurando por completo as alas) tornaram a missão relativamente fácil para a máquina de guerra comandada pelo antigo trinco do Barcelona, Celta e Real Madrid Albert Celades.

Não posso porém não deixar uma nota de aviso a Rui Jorge e aos seus comandados. Frente aos espanhóis estamos proibidos de cometer os erros que cometemos ontem frente aos sérvios nas transições (5 ou 6 perdas de bola à entrada da nossa área) e no capítulo da cobertura defensiva. O nosso meio-campo não poderá dar as costas aos criativos espanhóis na mesma medida em que deu aos criativos sérvios (Gacinovic e Zivkovic) sob risco de sairmos frente aos espanhóis com um saco de bolas dentro da nossa baliza. Como pudemos assistir no jogo de ontem, sempre que os macedónios perderam bolas na transição e não foram rápidos a cair sobre o portador da bola, sofreram.